terça-feira, 4 de julho de 2017

ELEIÇÕES 2018

A cerca de um ano para as convenções que irão escolher os candidatos  para disputarem as eleições de 2018, não existe nada definido sobre quem serão os candidatos aos cargos majoritários, governador e senador. 

Tudo depende das investigações da operação Lava Jato, que em Rondônia ainda não foi realizado a parte policial, onde acontece as prisões de pessoas, documentos e computadores. 

Disse que no  vasto cabedal de documentação apreendido pela  Polícia Federal, os membros que compõe o "alto clero"  da política de Rondônia estão todos envolvidos, sobrando apenas Expedito Júnior e, isso  por que está sem mandato a mais de dez anos. Pode ser verdade e pode não ser, eis a questão.

Em sendo verdade,  o adágio popular que diz: não tem mal que não traga um bem, favorece o meu amigo Expedito Júnior e ele se torna a bola da vez. Podendo escolher qualquer caçapa  para vencer a partida, digo, a eleição. 

Só que em política o já ganhou não deve ser comemorado antecipado e, Expedito é sabedor disso melhor que ninguém, portanto é bom passar bastante giz no taco, avaliar todas as possibilidades de vários ângulos e só depois dar a tacada final.

Nenhum comentário: