sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Eles só pensam naquilo

 

A TV Brasil, que Lula dizia que seria a nossa BBC, custa uma fortuna, mas tem mais funcionários do que espectadores
Nelson Motta, O Globo

O ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, que tem como qualificação profissional a militância no Sindicato dos Bancários e na bancada federal do PT-SP, sem noção de tecnologia e do mundo das comunicações modernas, que há anos prega a “regulamentação da mídia” (e talvez por isso tenha sido colocado no ministério pela ala soviética do partido ), é a cara do Brasil atual, onde a militância sindical é a mais alta qualificação para qualquer cargo.
Agora, ele quer atrapalhar a comunicação entre os brasileiros, chamando o WhatsApp de “pirata” e querendo “regulamentá-lo”, naturalmente inspirado por operadoras de telefonia que dizem estar perdendo dinheiro enquanto o usuário economiza nas tarifas e nos impostos escorchantes. Quem vai pagar um SMS se pode mandar mensagens, vídeos e áudios de graça pelo WhatsApp? Quem é estupido o bastante? Que “causa” de alguns merece a manutenção do atraso de todos? Mas eles só pensam em regulamentar.
Esse pessoal odeia tanto a TV Globo porque, mesmo com enormes verbas públicas e publicidade oficial, nunca conseguiram fazer uma emissora (ou um jornal, uma revista, uma rádio ou um site ) “de esquerda” que fosse popular e influente. A TV Brasil, Lula dizia que seria nossa BBC, é um fracasso absoluto, que custa uma fortuna mas ninguém vê. Tem mais funcionários do que espectadores. O maior sonho deles seria estatizar a Globo e aparelhá-la para suas causas “progressistas”, mas quebrariam a empresa em seis meses, por incompetência e ladroagem.
Quando eles falam em “regulamentar”, boto logo a mão no bolso e encosto na parede, é o Estado querendo tomar mais dinheiro do cidadão para sustentar os desperdícios e roubos de pessoas que nada entendem das áreas que comandam e têm como principal objetivo manter o partido no poder.
Enquanto isso, o Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicação já acumula 18 bilhões de reais em taxas pagas por usuários e operadoras, e o governo não sabe o que fazer com a bolada, explicando por que a internet no Brasil é uma das piores e mais caras do mundo.
Na campanha Dilma falava em “banda larga para todos”... rsrs.
Ricardo Berzoini, ministro das Comunicações (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)Ricardo Berzoini, ministro das Comunicações (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)
Nelson Motta é jornalista

Jornal, a mídia preferida dos deputados

Embora esse papel venha diminuindo nos últimos anos, o jornal impresso ainda é a principal fonte de informação dos deputados federais brasileiros. A oitava edição da pesquisa Mídia e Política, realizada pela FSB pesquisas, mostrou que 50% dos congressistas brasileiros elegem o jornal como sua principal fonte de informação.
Embora ainda responda pela preferência da maioria dos deputados, a penetração do jornal entre os políticos já foi maior. Em 2008, 70% deles elegiam o veículo impresso como sua principal fonte de informação. Já a internet vem crescendo de importância para a informação diária dos deputados. Em 2008, no primeiro ano da pesquisa realizada pela FBS, apenas 13% dos entrevistados mencionavam a internet como sua fonte principal de informação. Já no estudo deste ano, feito em março de 2015, esse percentual subiu para 37%.
Os telejornais vêm na terceira posição como a mídia preferida, com 8% das citações. Rádio (2%), Revistas (1%) e Outras (1%) aparecem na sequência. Outro resultado interessante da pesquisa, que foi realizada com 229 deputados federais, de 22 partidos diferentes, em Brasília, foi a forte utilização das mídias sociais.
Entre os entrevistados 96% declarou ter um perfil no Facebook, enquanto78% possuem uma conta no Twitter e 55% utilizam o Instagram para se comunicar com os eleitores.
Veja a lista dos veículos preferidos pelos deputados em cada um dos segmentos. Era possível citar mais de um em cada item:
Jornal
Folha de S.Paulo – 37%
O Globo – 18%
O Estado de S.Paulo – 10%
Valor Econômico – 4%
Correio Braziliense – 4%
Estado de Minas – 3%
Zero Hora – 2%
Outros – 11%
Não sabem/não responderam – 12%
Portal
UOL – 49%
G1 – 47%
Terra – 13%
Folha – 7%
iG – 2%
Estadão.com – 1%
Telejornais
Jornal Nacional – 59%
Jornal da Band – 26%
Jornal da Globo – 25%
Globo News – 16%
Bom Dia Brasil – 12%
Jornal do SBT – 6%
Outros – 7%
Não sabem/ não responderam – 4%
RevistasVeja – 80%
Época – 60%
IstoÉ – 59%
Carta Capital – 35%
Piauí – 14%
Caros Amigos – 11%
Rádios
CBN – 70%
BandNews FM – 24%
Rádio Câmara – 11%
Rádio Itatiaia – 4%
Jovem Pan – 3%
Rádio Senado – 1%
Outras – 16%
Não sabem/ não responderam – 3%

Campanha Setembro Dourado alerta para o Diagnóstico do Câncer Infantojuvenil‏

 

Setembro Dourado 2
O câncer já representa a primeira causa de mortalidade por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 18 anos no Brasil. Segundo os dados do INCA (Instituto Nacional do Câncer), no país anualmente, são mais de 10 mil casos novos de câncer registrados nessa faixa etária, sendo em torno de 150 só no Rio Grande do Norte.
Frente a essa realidade, a Casa de Apoio à Criança com Câncer Durval Paiva, o Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), o Hospital Infantil Varela Santiago e a Liga Norte Riograndense contra o Câncer, contando com a parceria da Prefeitura do Natal, realizam durante o próximo mês a Campanha Setembro Dourado, visando conscientizar a sociedade quanto à importância do diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil.
O objetivo principal da campanha é conscientizar quanto a existência do câncer entre crianças e adolescentes.

SENADORES INVESTIGADOS

  Luciano Vale


Veja a relação dos integrantes do Senado que respondem a inquérito e ação penal no STF. Clique no nome para ver quais são as acusações e as respectivas explicações dos parlamentares.

O Dr. Gustavo Magliocca

O Dr. Gustavo Magliocca, médico do esporte, falou ao Bem Estar sobre a diferença do colesterol "bom" e o "ruim":

veja também

Prefeito, Primeira Dama e vereador visitam obram na zona rural de Seringueiras

O Prefeito Armando Bernardo da Silva (PMDB), a Primeira Dama e Secretária de Ação Social Silmara Lopes e o Vereador Milton Cezar Pereira (PTN) passaram todo o período do dia neste sábado (22) na zona rural do município de Seringueiras, o motivo foi a visita e acompanhamento das obras de patrolamento e cascalhamento realizadas no setor do Distrito do Novo Planalto.Exibindo DSC04623 (Copy).jpg
O Prefeito Armando fez questão de passar por todas as linhas vicinais do setor do distrito Novo Planalto onde a Secretária de Obras tem realizados os trabalhos, o objetivo foi à de conferir como está ficando as estradas após os patrolamentos e os serviços de cascalhamentos.
Em uma pausa na casa do senhor Lei, morador da linha 46, o prefeito, a primeira dama e o vereador Milton puderam saborear um delicioso almoço juntamente com a equipe de servidores da obra.
Armando parabenizou os servidores da secretária de obras que mesmo no dia de sábado estavam se empenhando para a realização das recuperações das estradas, “só tenho que agradecer e parabenizar a equipe de obras do município pelo trabalho realizado nas obras em geral em especial neste setor que estive acompanhando, pois os trabalhos estão sendo realizado com excelência”, finalizou Armando, prefeito municipal de Seringueiras.Exibindo DSC04634 (Copy).jpg
O senhor Vanildo morador da linha 46 esteve nas obras juntamente com o prefeito e parabenizou a administração pela qualidade dos trabalhos realizados em sua região, segundo Vanildo, o seu setor somente nesta gestão está tendo um trabalho mais diferenciado e o melhor, com qualidade, que é o mais importante, parabenizou.


Aberdeen Angus segue em ascensão e 17º Leilão VPJ fatura R$ 1,6 milhão


Aberdeen Angus segue em ascensão e 17º Leilão VPJ fatura R$ 1,6 milhão
A VPJ Pecuária apresentou no dia 23 de agosto, em seu 17ª Leilão VPJ Angus, em Mococa (SP), os primeiros Aberdeen Angus avaliados em sua Prova de Performance Pós-Desmama (PPPD), que será aberta a outros criadores nas próximas edições. Sessenta lotes de touros e 36 de fêmeas, entre vendas inteiras e cotas de 50%, renderam R$ 1.403.900,00. A comercialização de mais 15 touros Brangus elevou o faturamento para R$ 1.607.600,00. Cerca de 75% das vendas ocorreram no próprio recinto, que estava lotado.

Os machos Aberdeen Angus alcançaram a robusta média de R$ 15.693,00, enquanto as fêmeas foram negociadas a R$ 13.022,54. Destaque absoluto, previamente anunciado ao mercado, a cota de 50% VPJ Black Flocky Bismarck FIV 178 foi arrematada por R$ 63.000,00 pelo condomínio entre a CRV Lagoa e o criador Adriano Pratti. O pai deste touro é o mais utilizado nos Estados Unidos e no Brasil por transmitir precocidade de carcaça e qualidade de carne às progênies.

De acordo a Programa Leilões, responsável pela organização, foram efetivadas vendas para São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Pernambuco, com destaque a região de Mococa que absorveu 70% da oferta. O apresentador esportivo Milton Neves, com o filho Fábio Lucas Magnoni Neves, donos de fazendas no Sul de Minas, por exemplo, foram os maiores compradores, investindo quase R$ 130.000,00 em nove lotes. Aquecimento registrado também junto às centrais de inseminação, de olho nos animais de classificação elite na PPPD.

“Em breve, serão touros destacados em vendas de sêmen, como tem acontecido nos anos anteriores. Mais uma vez o mercado, sempre soberano, reconheceu nossos esforços em oferecer uma genética provada, com alto desempenho e principalmente precocidade de carcaça e qualidade de carne”, diz Valdomiro Poliselli Junior.

Já o prof. da USP/Pirassununga-SP, José Bento Sterman Ferraz, uma das maiores autoridades em genética bovina do Brasil, espera que a PPPD revolucione o mercado da raça Angus, que segundo ele, ainda se baseia em resultados de pista e dados como circunferência escrotal e ganho de peso. “A VPJ Pecuária foi além ao incorporar em um único índice DEPs tradicionais, DEPs Genômicas, avaliação de carcaça por ultrassonografia e informações de ganho de peso. A confiabilidade é a mesma de um touro com 20 filhos avaliados”, afirma.

As tecnologias utilizadas durante a prova foram apresentadas em um workshop pela manhã, com a participação do médico-veterinário Adriano Oliveira, gerente de Pecuária da VPJ; Antônio Miranda, gerente da VPJ Alimentos, o assessor técnico Fernando Velloso, Luiz H.D Carrijo e Elvys Daude Paes, da Integral Nutrição Animal; Adauto Franco Filho, da Zoetis Brasil; e o próprio José Bento.

Sobre a PPPD – Criada em 2013, com orientação do professor da USP, a PPPD é realizada na Fazenda Cardinal, divisão de seleção genética da VPJ Pecuária. A missão é identificar os melhores indivíduos para uma série de características, principalmente ganho de peso, precocidade de carcaça e marmoreio, que colocaram os produtos da VPJ Alimentos em destaque nas melhores boutiques de carnes, churrascarias, restaurantes e redes de fast food do Brasil.

A prova também se mostrou um mecanismo eficiente para avaliação e adaptação da genética importada frequentemente dos Estados Unidos, investimento que permite revelar touros e matrizes superiores todos os anos.

O tempo total de duração é de 135 dias, com três pesagens. Os bovinos receberam uma dieta controlada, de acordo com leitura matinal dos cochos. Paralelamente, técnicos realizaram avaliações de ultrassonografia de carcaça (Área de Olho de Lombo, Espessura de Gordura Subcutânea, Espessura de Gordura na Picanha e Marmoreio) e colheram Deps pertinentes ao PROMEBO (Circunferência Escrotal, Conformação, Musculatura, Precocidade, Tamanho, Umbigo, Racial e Adaptabilidade). Concomitante ao teste, numa parceria com a Zoetis Americana, o gado passou por uma genotipagem completa para que fossem identificadas 18 características econômicas condizentes com o programa da VPJ.

De posse dessas informações, em parceria com o prof. José Bento Ferraz, foram compiladas as Deps Genômicas Integradas (DGIs), predições com acurácia drasticamente elevada, cerca de 70%. “Demos um grande salto na seleção de animais comprovadamente melhoradores porque as chances de acerto mais que duplicam, em comparação aos métodos convencionais”, conclui o gerente de pecuária da VPJ.

SAIBA MAIS:


Pec Press® - Imprensa Agropecuária
Adilson Rodrigues – Jornalista Responsável (Mtb 52.769)
Robson Rodrigues – Coordenação e Atendimento
Telefone: (11) 3876-8648 / 9-8642-8773

NO TRÂNSITO TODO CUIDADO É POUCO

Enquanto acontece um acidente de trânsito  envolvendo automóvel com vítimas que dão entrada no Sistema Único de Saúde (SUS), em Porto Velho, são registrados pelo menos dez com motocicletas. Os números são alarmantes e confirmam dados de uma pesquisa divulgada em maio pelo Ministério da Saúde (MS), que apontava Rondônia em 9º lugar no ranking nacional de mortes por acidente de motocicletas, com taxa de mortalidade de 9,8 para cada 100 mil habitantes.
No total, somente neste mês, 334 vítimas de acidentes envolvendo motocicletas deram entrada no Pronto-Socorro João Paulo II – referência no atendimento de urgência e emergência no estado. No mesmo período, 32 acidentes com vítimas de automóveis foram registrados; e 49 sem definição de veículo.
Os dados são do setor de estatísticas do João Paulo II, onde técnicos fazem o monitoramento diário. O inchaço da frota de motocicletas é apontado por especialistas em trânsito como o maior vilão do SUS na maioria dos estados brasileiros.
No resto do estado não é diferente e em Rolim de Moura talvez seja até pior. Isso mostra que as medidas tomadas pelo setor competente não são suficiente para o enfrentamento do problema, até por que não se combate a violência praticada com veículos com medidas pontuais. Para que tenhamos resultados aceitáveis do ponto de vida de saúde pública, carece de um enfrentamento do problema com a participação da população.

A violência que ora se instalou em nossa ruas, avenidas, BRs, rodagens e estradas vicinais é caso de calamidade pública e assim sendo, tem que ser encarado como tal. A título de sugestão elenco algumas medidas que a meu ver são fundamentais para a diminuição desse caótico quadro de violência generalizado de acidentes com veículos.
1 - Educação no transito é fundamental e indispensável, pois a imprudência e a imperícia dos nosso condutores, contribui com o número alarmante de casos na estatista oficial;
2 - sinalização é outro tipo de medida também fundamental,
3 - quando falo em sinalização estou me referindo:sinais luminosos; placa de sinalizações; redutores de velocidade; nas ruas asfaltadas escrever  no chão pare;
4 - envolvimento da sociedade organizada ( Rotary, Maçonaria, Lions, auto escolas, associação de pais e filhos e associações de bairros);
5 - palestras nas escolas e empresas, rádios e canais de televisão.
Obs: Dom Pedro II, ainda no tempo da carruagem dizia para o cocheiro: devagar que eu tenho pressa.

Caiado sobre CPMF: “Pare de roubar, PT. Pegue o dinheiro de petrolão, mensalão e pixulecos e coloque na saúde”

Por Felipe Moura Brasil 

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse que, se a CPMF não voltar, haverá “barbárie” no SUS:

“A viabilidade do sistema único de saúde, do sistema público, universal e gratuito, passa por esse debate (da CPMF). E fora disso, é barbárie. Porque entregar os setores mais fragilizados da sociedade simplesmente à regra de mercado, a gente sabe o que vai dar”.

O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) comentou nas redes sociais a volta do terrorismo eleitoral do PT para esvaziar o bolso da população:

“É assustador o quanto os integrantes desse governo tiram sarro com os brasileiros todos os diasO governo retira recursos da saúde propositalmente ao reduzir o repasse e dividir a conta com as emendas parlamentares. Agora vem com a cara mais lavada do mundo falar em imposto.

Pare de roubar, PT. Pare de mentir. Pegue o dinheiro do Petrolão, do mensalão e outros ‘ãos’ e ‘pixulecos’ e coloque na saúde que a situação melhora e não será preciso criar mais impostos.O governo de Dilma e Lula passaram dos limites e os brasileiros não aguentam mais. Estão forçando um colapso social.

A população está enojada, não suporta olhar no rosto desses petistasSe insistirem nessa teses, vão dar um tiro no pé e acelerar a saída inevitável da presidente Dilma Rousseff.Vamos montar uma verdadeira trincheira no Congresso contra a criação desse imposto. Vamos expor todos os números e tudo o que o governo fez nos últimos anos para sacrificar a saúde brasileira.”

Só faltou dizer: enquanto Lula e Dilma Rousseff recebem atendimento VIP no Hospital Sírio Libanês.

Cada um expressa a seu modo a indignação com a gestão da governanta

 

ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO É EXPULSO DO BAR BRAHMA EM BRASÍLIA

O advogado-geral da União, Luiz Inácio Adams, foi expulso do Bar Brahma, em Brasília, pelos frequentadores. Adams tem ocupado espaços importantes na imprensa devido ao seu trabalho no Tribunal de Contas da União, atuando no caso conhecido como “pedaladas fiscais” do governo Dilma Rousseff. A reação espontânea dos presentes, gritando “Fora Adams”, demonstra o grau impressionante de insatisfação geral com o governo do PT.

OAB DE CAJAZEIRAS - PB

 

MOTO MATA MAIS QUE BALA

O secretário estadual de Saúde, Williames Pimentel, classificou como altamente preocupante o fato de Rondônia aparecer em 9º lugar no ranking nacional de mortes por acidente de motocicletas, com taxa de mortalidade de 9,8 para cada 100 mil habitantes. O estudo foi divulgado na quarta-feira (27) pelo setor de estatísticas do Ministério da Saúde (MS).

Segundo o Sistema de Informações sobre Mortalidade do Ministério da Saúde, o Brasil registrou 4.292 mortes por motociclistas em 2003, número 280% menor do que o registrado 10 anos depois (12.040). Parte do aumento de acidentes envolvendo motos se deve ao crescimento vertiginoso da frota no País. Entre 2003 e 2013, o número de motocicletas aumentou 247,1%, enquanto a população teve um crescimento de 11%.
De 2008 a 2013, o número de internações devido a acidentes de transporte terrestre aumentou 72,4%. Considerando apenas os acidentes envolvendo motociclistas, o índice chega a 115%. Em 2013, o SUS registrou 170.805 internações por acidentes de trânsito e R$ 231 milhões foram gastos no atendimento às vitimas. Desse total, 88.682 foram decorrentes de motos, o que gerou um custo ao SUS de R$ 114 milhões – crescimento de 170,8% em relação a 2008. Esse valor não inclui custos com reabilitação, medicação e o impacto em outras áreas da saúde.

Fonte
Texto: Zacarias Pena Verde
Fotos: Ítalo Ricardo
Secom - Governo de Rondônia

TSE e Institutos de Identificação disputam direito de emitir Identidade Única

Para o representante do Conadi, a participação do TSE nesse processo não faz sentido.

Por AGÊNCIA CÂMARA
Foto meramente ilustrativa
Brasília, DF  - O diretor do Instituto de Identificação do Distrito Federal, Claudionor Batista dos Santos, representante do Conselho Nacional dos Dirigentes de Órgãos de Identificação (Conadi), afirmou, nesta terça-feira (25), que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não tem capacidade técnica para gerenciar a implantação e manutenção do Registro Civil Nacional.
Claudionor Santos participou de audiência pública da Comissão Especial da Câmara que analisa a criação de um documento único de identificação para os brasileiros (PL 1775/15).
Para o representante do Conadi, a participação do TSE nesse processo não faz sentido. "O TSE não tem competência para isso. A competência do TSE é eleitoral. É um tribunal de última instância. O que ele tem a ver com identificação civil e quem vai controlar o TSE nesse trabalho? A quem devemos recorrer se a identificação civil for feita de forma arbitrária?"
Claudionor Santos também se mostrou preocupado quanto à função dos institutos de identificação do Brasil, a partir do momento em que o registro civil nacional virar lei.
Papiloscopistas 

Para ele, a proposta do Executivo não está levando a sério o trabalho dos papiloscopistas, que são profissionais responsáveis pela coleta, armazenamento e identificação de impressões digitais. Além disso, Claudionor Santos aponta que estão sendo desprezados 100 anos de trabalhos realizados pelos institutos de identificação do Brasil.
Responsável por elaborar o relatório da proposta, o deputado Júlio Lopes (PP-RJ), reconhece que mudanças geram reações de diversas partes da sociedade, mas ele tem convicção de que o texto final do projeto vai atender a todos os interessados.
"Tenho plena convicção de que haverá um consenso atendendo ao interesse de todos. Nós vamos ter um documento único de identificação e cada brasileiro corresponderá a um registro, um número e uma biometria. Nós teremos isso tudo, inclusive, um trabalho conjunto com o TSE, mas sem desprezar os cartórios, as competências das instituições de identificação, dos papiloscopistas. Enfim, toda a estrutura tem de ser complementar".
Para o presidente da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia em Identificação Digital (Abrid), Celio Ribeiro, o projeto de lei representa mudança interessante para a população brasileira, pois trará mais segurança ao cidadão.
Ribeiro garantiu também que a indústria do setor estará pronta para o atendimento da demanda, quando o Registro Civil Nacional for implantado.

PT perde um quinto dos prefeitos em São Paulo

Segundo dirigente, políticos deixaram o partido por causa do desgaste de imagem e baixo atendimento a emendas

PT (Foto: Arquivo Google)(Foto: Arquivo Google)
Sérgio Roxo e Tatiana Farah, O Globo
O PT perdeu neste ano aproximadamente 20% dos prefeitos que elegeu em 2012 em São Paulo e ainda estavam, até o início deste ano, no partido. De acordo com o presidente do Diretório Estadual, Emídio de Souza, 13 ou 14 dos 68 prefeitos já se desfiliaram formalmente ou comunicaram ao partido a decisão de sair.
A expectativa é que outros nomes anunciem a saída até o começo do outubro, prazo para mudança de legenda para os que pretendem disputar a eleição do próximo ano.
Segundo Emídio, os prefeitos do interior deixaram a legenda por "insatisfação com o que consideram mau atendimento das emendas" e pelo "desgaste da imagem do PT" nos últimos meses, que teria levado ao medo de perder a eleição do ano que vem.